Medo do Medo… Pânico do Pânico… Como Lidar Com o Medo de Ter Crise?

Medo do Medo… Pânico do Pânico… Como Lidar Com o Medo de Ter Crise?
5 (100%) 1 vote

Medo do Medo

Alô é o Vini aqui e eu to muito feliz que você veio aqui pra esse post e acredito que será de extrema valia pra você. Além do post escrito que está mais detalhado, fiz um vídeo e estou anexando aqui abaixo. 🙂

Eu, como ex-portador de pânico, recebo muuuuuitas perguntas a respeito de como lidar com a questão do medo do medo, pânico do panico, medo da crise, pânico de crise e pra te ajudar com isso, eu decidi fazer esse novo post. Preparado? 😉

Acredito que o ponto crucial pra você lidar com isso, será realmente compreender o que irei te escrever a seguir e trazer isso pra sua realidade, e não apenas “ler” e depois fechar essa janela. Posso contar contigo? 🙂

Eu passei EXATAMENTE por isso!

Sim, eu sei exatamente o que você sente quando diz medo do medo, medo da crise, crise de pensar em crise.

medo do medo

medo do medo

Eu havia desenvolvido a síndrome do pânico, juntamente com as crises de pânico depois de quase morrer após tomar uma combinação de remédios que acelerou meu coração, elevou a pressão brutalmente, me deixou acelerado, visão branca e tontura, estava a beira da morte. Sim, ali era um perigo real.

De tanto essa situação se repetir, não sei dizer quando deixou de ser reação do remédio pra virar crise, mas de qualquer maneira, passei a ter medo de sentir aquelas sensações e sempre que passava por tal, já achava que iria morrer e relembrava toda aquela cena que aconteceu a primeira vez comigo na academia.

Partindo do Princípio

Primeiro precisamos entender o que são as crises, o que é o medo, processos e como você vai diminuir o seu medo de ter crises. Vamos lá que tentarei simplificar o máximo que conseguir, sem perder a eficácia. 🙂

O que é a Ansiedade?

Precipitação do futuro. E ela serve pra te proteger das situações de perigo, ou que você acha que são perigosas. Existe também a Ansiedade “boa”, aquela de coisas boas que vão acontecer no futuro que você mal consegue dormir esperando por esse dia chegar!

Mas vendo por um outro lado, não existe uma ansiedade “boa mesmo”. Eu vejo pessoas se rotulando como por exemplo

  • Sou ansiosa de carteirinha;
  • Sou muito ansiosa;
  • Vivo sempre preocupada;
  • Sou uma pessoa preocupada;

Meu amigo, minha amiga, entenda uma coisa, por mais duro que isso possa parecer.

Se rotular como ansioso, no sentido de como isso fosse “Fofo”, não é nem um pouco bom. Por mais que você passe a conhecer pessoas que também são ansiosas, ou seja, pessoas semelhantes a você, ainda não será bom. Lembra que eu comentei aqui no blog no post sobre 2 princípios nada intuitivos para controlar crises de pânico, através do Contágio Social, você é a média das 5 pessoas que você mais anda.

Agora imagina se você vive rodeado por pessoas ansiosas, medrosas, preocupadas, limitadas, como você acha que irá ficar? Forte? Confiante? Vivendo no presente?

E sobre ser preocupada, como diria Pedro Bial,

PREocupação é tão eficaz quanto mascar um chiclete pra tentar resolver uma equação de álgebra.Vídeo: Filtro Solar – Pedro Bial

E aí, continuará ainda se rotulando como Ansioso ou Preocupado? Pense.

Mas voltando aqui… A ansiedade é basicamente você tentando antecipar o futuro pra prever/preocupar pra se proteger/preparar daquela/para aquela situação.

O que é o Medo?

É um tipo de ansiedade. Precipitação do futuro de uma situação (potencialmente) perigosa, ou que você acha que é.

O que são as crises de pânico / ataque de pânico ?

Um estado mais avançado da Ansiedade.

As crise de pânico são as reações de luta x fuga que foram herdadas de nossos ancestrais, lá na época do homem das cavernas… Lembra? Certamente não! Mas já deve ter ouvido falar que eles precisavam sair pra caçar. E nesse meio tempo, eles tinham de ficar numa espécie de alerta pra se viesse algum predador pra atacá-los, eles se defendessem. Ou seja, lutar ou fugir com o manolo predador.

Medo x Perigo

Medo é seu pensamento te protegendo de uma situação.
Exemplo: Tenho medo de pular daqui de cima e morrer.

Perigo é realmente uma situação perigosa:
Exemplo: Se eu pular daqui de cima, eu posso morrer. Isso é perigoso.

Reação de Luta x Fuga / Sintomas de Crises

Dos mais comuns, são: Coração acelerado, suor, maos frias, sensação de morte, sensação de perder o controle, desrealização.

O coração acelera pra bombear mais oxigênio para seu corpo, sua respiração aumenta, seu tronco receber maior níveis de sangue para aumentar sua força e te deixar um pouco mais forte para lutar ou fugir, as mãos ficam frias pq os vasos sanguíneos se estreitam pra jogar o sangue pro seu tronco onde te deixa mais forte e te protege também.

Você DEVE compreender que o que está acontecendo com você É UMA REAÇÃO DO SEU CORPO PRA TE PROTEGER!!!!! É SEU CORPO AGINDO PRA TE PROTEGER PQ ELE ACHA QUE VOCÊ ESTÁ EM PERIGO, DEVIDO AOS SEUS PENSAMENTOS! (escrevi com o caps lock ativado mesmo). Compreenda isso E ACEITE. “Aceita que dói menos”, já ouviu alguém falar isso? No fundo aqui pra nós, É VERDADE e já vou explicar mais pra baixo porque esse aceita que dói menos é muito válido!

Medo dos Sintomas das Crise de Pânico

Imagina se todas as reações de Luta X Fuga fossem ativadas aos poucos que desastre ia acontecer? Lá na época das cavernas, viria o predador e o seu coração só fosse bombear mais sangue depois de 15 minutos? Certamente iria “móóóórrê!”. Concorda? Então o corpo pra te proteger sabiamente, ele interpreta aquilo que você está pensando como “perigoso” e ativa esses sintominhas de uma vez e te assustada, mesmo sabendo que é normal. Mas você sabe que dá pra reverter esse jogo. 😛

medo do medo

medo do medo

Aceita que dói menos! (Porque aceitar os sintomas de ansiedade…)

Eu quero que você NÃO PENSE numa bola de basquete azul com detalhes em rosa. NÃO PENSE NISSO. NÃO PENSE!!!

O fato é que… Você vai pensar. Entende? Se você ficar querendo NÃO SENTIR os sintomas, querer evitar, o fato é que você vai sentir. “Ai eu não quero que meu coração acelera”.

Reflita: quantas vezes você falou “Ai eu não quero que meu coração acelere” e ele simplesmente parou? (ou algum outro sintoma semelhante).

Quando você passar a sentir os sintomas de ansiedade, você deve imaginar que é única e exclusivamente a visita da sua sogra. Você manda a véia ir embora e fala “Não quero você aqui, sua insuportável!!!”? É claro que não. Você “aceita a véia que dói menos”.

Aceitou? Agora o que você quer?

Ótimo. Agora que você já viu que aceitar dói menos, é preciso focar NO QUE VOCÊ QUER. Você já sabe que falar o que você não quer irar atrair aquela coisa.

“Eu não quero o coração acelerado”, você vai continuar sentindo. Mas o que você quer?

– Eu quero mais saúde;
– Eu quero melhorar minha vida atual;
– Eu quero me sentir bem a todo momento”.

Entao, concluindo. Como lidar com o Pânico do Pânico?

Aqui nesse post você entendeu os processos por trás de uma crise e que os seus sintomas são apenas reações NORMAIS do seu corpo pra te proteger(ele está achando que você está em perigo e por isso dispara os sintoma) e isso é mais do que o necessário pra você começar a aprender a lidar com o medo do medo.

Assim que voce compreende e traz pra sua realidade, quando se ver numa situação delicada no futuro relacionada, verá que realmente essa compreensão foi necessária pra te dar tais resultados, resultados como eliminar crises de pânico, sintomas. 🙂

Mas, Vini… Eu já sabia disso e ainda continuo a ter crises. Tem jeito?

Eu acredito fortemente que o que está faltando em você agora é FÉ, não digo fé religiosa, e sim, FÉ EM VOCÊ. Em outras palavras, ACREDITAR, CRENÇA de que VOCÊ PODE. Se você repetir pra você mesmo(a) que “Eu posso controlar e me livrar das crises!”  várias vezes, durante os próximos dias, sua crença irá começar a mudar, e seus resultados também. Que resultados? Controle de crises. Ta na dúvida? Experimenta. Mas faça isso com FÉ. (não é religiosa, como eu disse. Eu não falo de religião aqui pq da uma treta enorme e sempre existe um que já chega na voadora pelos comentários. Imagina? )

E pra finalizar, eu compartilho com você uma frase minha.

Você pode controlar, quem disse que não? – Vinícius Tadeu, Projeto Instituta

3 Pedidos Finais…

  1. Deixa aquele comentário maroto aqui abaixo dizendo o que achou, se você quiser, é claro.
  2. Compartilhe com seus amigos, colegas, parentes… Aqui eu escrevi alguns motivos pra você compartilhar ou não os posts. Se quiser ler, só clicar aqui.
  3. Receba mais conteúdos exclusivos por e-mail que não são postados aqui no blog, Inscreva-se na minha lista VIP gratuitamente. A de Pânico é esse box de formulário abaixo e a de ansiedade é o box superior do site.

Crises de Pânico? Receba o Meu Material ESPECIAL para Controle e Eliminação!

Para receber minhas dicas gratuitas, aulas ao vivo, vídeos, mini-cursos e até mesmo meus programas mais avançados quando eu abro vaga, cadastre-se abaixo gratuitamente. >


Warning: Missing argument 1 for cwppos_show_review(), called in /home/instituta/public_html/wp-content/themes/flat/content-single.php on line 29 and defined in /home/instituta/public_html/wp-content/plugins/wp-product-review/includes/legacy.php on line 18